Promoção! 41 inícios falsos - Janet Malcolm Ver maior

41 inícios falsos - Janet Malcolm

9788535926798

Produto novo

O trabalho da jornalista norte-americana Janet Malcolm já foi descrito como uma mistura de reportagem, biografia, crítica literária e psicanálise, com pitadas do romance realista do século XIX. Nesta coletânea, essa junção única - marca registrada de uma das maiores escritoras de não ficção de nossos tempos - pode ser verificada a cada página. O volume reúne ensaios publicados ao longo de várias décadas, sobretudo na New Yorker, berço do jornalismo literário, e na New York Review of Books, bíblia da intelectualidade nova-iorquina. São textos que refletem o interesse da autora por pintores, fotógrafos, escritores, críticos, e pelas particularidades do ofício criativo. Malcolm explora a obsessão dos integrantes de Bloomsbury - o célebre grupo a que pertenceram Vir...(Resumo completo abaixo)

Mais detalhes

Em estoque

Aviso: Últimas unidades!

R$ 62,90

Mais informações

O trabalho da jornalista norte-americana Janet Malcolm já foi descrito como uma mistura de reportagem, biografia, crítica literária e psicanálise, com pitadas do romance realista do século XIX. Nesta coletânea, essa junção única - marca registrada de uma das maiores escritoras de não ficção de nossos tempos - pode ser verificada a cada página. O volume reúne ensaios publicados ao longo de várias décadas, sobretudo na New Yorker, berço do jornalismo literário, e na New York Review of Books, bíblia da intelectualidade nova-iorquina. São textos que refletem o interesse da autora por pintores, fotógrafos, escritores, críticos, e pelas particularidades do ofício criativo. Malcolm explora a obsessão dos integrantes de Bloomsbury - o célebre grupo a que pertenceram Virginia Woolf e Lytton Strachey - com a construção do efeito literário; as apaixonadas colaborações por trás dos nus retratados pelo fotógrafo Edward Weston; ou a banalidade que tanto incomodava J. D. Salinger. Sob seu olhar, o pintor Julian Schnabel tem o ar modestamente satisfeito de um empreendedor bem-sucedido. O fotógrafo alemão Thomas Struth, flagrado ao citar Proust sem tê-lo lido, percebe que sua declaração será presa inevitável do oportunismo jornalístico. No perfil que dá título ao livro, o artista David Salle ganha 41 versões para sua trajetória declinante. A cada ensaio, como diz o crítico Ian Frazier na introdução, Malcolm demonstra que a não ficção - um livro-reportagem, um artigo em uma revista, o que lemos todos os dias - pode ser alçada à literatura de mais alto nível. Não à toa, Janet Malcolm vem estimulando gerações de jornalistas e escritores a romper com as convenções dos textos não ficcionais. Seu trabalho caminha no sentido contrário às crenças estabelecidas sobre as artes e a escrita, com olhar arguto para o detalhe inesperado e a disposição constante para surpreender o leitor.

Código de Barras: 9788535926798

Tipo de Item: Livro

Formato da Edição: Livro brochura (paperback

Data de Lançamento: 12/02/2016

Idioma: Português

Título: 41 inícios falsos

Autor(es): Malcolm, Janet

Colaboradores: Tradutor Soares, Pedro Maia

ISBN: 978-85-359-2679-8

Número de Páginas: 384

Editora: Companhia Das Letras

Selo: Companhia das Letras

Área: Ensaios e Crítica Literária; Ensaística

Assuntos: Ensaios; Ensaios literários, Literatura: história & crítica, Estudos de género: mulher

(Todos os dados acima conforme informados pela editora)